22 de Fevereiro de 2018 - No Comments!

Quadrante lança Design Com Brócolis na ABUP Home & Gift

Novidade para o segmento de design. A Quadrante aproveitou a realização de uma das maiores feiras de design, decoração e utilidades domésticas, a ABUP Home & Gift, que aconteceu de 18 a 21 de fevereiro, em São Paulo, para apresentar ao mercado a Design Com Brócolis, uma plataforma que converge criação, produção, comercialização e relacionamento.

Com irreverência e inspirada na cultura pop, a Design Com Brócolis é um espaço para compartilhar experiências que vão além dos aspectos materiais do produto, passando pela história das pessoas, suas memórias e trocas afetivas. Além da proposta conceitual, a Design Com Brócolis vai disponibilizar os produtos criados pela Quadrante Studio e por designers locais.

“A Design Com Brócolis é um meio de tornar produtos com propostas conceituais mais acessíveis ao grande público e de fomentar nosso mercado de design local”, observou Marcelo Figueiredo, sócio da Design Com Brócolis.

Para mais informações sobre a Design Com Brócolis, acesse: www.designcombrocolis.com.br .

15 de Janeiro de 2018 - No Comments!

É hora de entender a “geração Now”, diz GfK

Por Samuel Possebon

A "geração Millenial" ficou para trás. A geração que está sendo discutida na CES 2018, principal evento de eletrônica de consumo dos EUA, que acontece esta semana em Las Vegas, é a chamada "geração Now", jovens de 15 a 25 anos que nasceram em um ambiente já completamente tomado pela Internet e pelos serviços móveis. Trata-se de uma geração com características culturais muito diferente da geração que os antecedeu, revela Kathy Sheehan, diretora da GfK, em estudo apresentado durante a CES.

A "geração Now" é uma geração que nasceu na era digital e usa tecnologias cotidianamente, mas não é tão ávida por tecnologia quando os Millenials. "A tecnologia é mais pervasiva para eles", diz a especialista, mostrando dados de pesquisas feitas pela GfK. "Possivelmente é uma geração que não vai nunca entrar em uma loja tradicional sem antes olhar online o que quer comprar. E sete em cada 10 jovens desta geração afirmam ser familiarizados o uso de tecnologias".

Valores

Segundo ela, é uma geração única, que tem como valores a criatividade, o "internacionalismo", que voltou a ter ambição mas busca a igualdade, o conhecimento e o aprendizado. "São valores 'open minded'. Mas há valores que estão em desuso, como a valorização do que é sexy ou jovem. É uma geração pragmáticas e que quer ser adulta", diz a especialista. Segundo ela, outro valor que mais caiu em desuso é o da individualidade. "É algo que eles preservam mas não é uma característica pela qual eles querem ser definidos. Isso é diferente da geração millennial", dizem os dados da GfK. Por outro lado, diz, é uma geração de grande tolerância social e neutra em gênero. "Também é uma geração que gosta de ouvir, mas querem se sentir respeitados, gostam de hacking (improvisar), gostam de colaborar entre eles".

Segundo os dados da GfK baseados nas entrevistas que estão sendo feitas para traçar o perfil dos jovens da "geração now", dinheiro e tempo são fatores de estresse para estes jovens, mostrando preocupação e ambição com o futuro e a estabilidade. "Mas a pressão sobre estas pessoas é a coisa que mais pesa e cria estresse na geração now. A maturidade de valores cria estresse nesse grupo de pessoas".

Obviamente o smartphone é o dispositivo conectado para esse grupo de pessoas mais adotado. E o que mais gera estresse.

Também é uma geração pragmática, que busca a mel;hor relação custo/benefício e não necessariamente aspira marcas. "A segurança financeira é importante para essa geração, assim como a segurança física. E isso se reflete muito sobre a preocupação com privacidade". Segundo Sheehan, é uma geração informada sobre questões de de neutralidade de rede e, obviamente, favorável a este princípio.
Em comum com a geração millenial está o fato de demorarem para sair da casa dos pais e constituir uma família.

Hábitos de mídia

Segundo Karen Ramspacher, SVP de mídia para a GfK, a TV está bem viva para a geração Now. "Mas não apenas TV. É uma geração que mostra interesse em leitura inclusive em livros impressos e que ouve muita música". Mas a mensagem audiovisual é, sem dúvida, a principal forma de entretenimento e informação. Mas são pessoas que preferem formatos menores de vídeo, que aceitam melhor comerciais de 6 segundos, por exemplo, em comparação com os 15 segundos tradicionais. "85% das pessoas dessa geração diz que a TV deixa elas felizes". A diferença está no conceito de TV, o que a GfK prefere usar o termo "TVideo". TV, para esta geração, não é o que era (72% têm esta posição). Para 44%, TV é qualquer coisa na tela grande, e 25% diz que TV é o conteúdo de qualquer tela que possa ser assistida. Mas elas nÃo enxergam a rivalidade entre serviços tradicionais e serviços OTT.

"É uma geração que enxerga cabo, TV aberta e streaming como coisas complementares, parte de um mesmo contexto, não como substitutos".

Entretanto, 71% consomem conteúdos por streaming por mais frequência.

Publicado em: 08/01/2018

Fonte: Tele Viva News

23 de novembro de 2017 - No Comments!

Nova fachada e homenagem à cultura nordestina

Em uma ação paralela ao Startup Weekend Youth, que sediamos no último final de semana, a fachada da nossa sede ganhou um novo mural. Convidamos o artista gráfico, Romildo Rocha, para a intervenção, que ficou a nossa cara.

A obra foi inspirada na literatura de cordel, nas linguagens marcantes do sertão nordestino e utiliza a estética da xilogravura como base de criação, característica marcante do trabalho do Romildo.

“Quisemos homenagear a figura e as linguagens nordestinas, retratando as antigas quitandas, uma tradição muito forte, símbolos de negócios.” disse o artista.

Ao todo, foram três dias para executar o projeto, que recebeu apoio da Potiguar Home Center e patrocínio da Suvinil.

Quem quiser dar uma conferida nessa obra de arte, ficamos na Avenida Paulista, 12, Olho D'água.

13 de novembro de 2017 - No Comments!

Quadrante sedia Startup Weekend

Nos dias 17, 18 e 19, vamos receber o Startup Weekend. Um evento de imersão, uma experiência única onde empreendedores e aspirantes a empreendedores podem descobrir se suas ideias de startups são viáveis. Esta edição será dedicada para adolescentes de 14 a 18 anos.

Serão 54 horas de criação de modelos de negócios, programação, design e validação de mercado. O fim de semana termina com a apresentação dos projetos a empreendedores de sucesso em uma nova oportunidade para receber feedback.

O evento contará com a participação de mentores, jurados, mídia, oradores, investidores e muito mais.

Será um grande final de semana para nós e para os participantes.

Para mais informações: www.facebook.com/swsaoluis

1 de novembro de 2017 - No Comments!

Abap apresenta demandas para o novo Código Tributário do Município

Com o objetivo de contribuir para o projeto do novo Código Tributário do Município (CTM), da prefeitura de São Luís, que busca atualizar e modernizar as leis tributarias municipais, o presidente da Abap (Associação Brasileira das Agências de Propaganda), no Maranhão, Felipe Ladeira, esteve reunido com o secretário municipal da Fazenda, Delcio Rodrigues, para apresentar detalhes da atividade de propaganda e as demandas do segmento de comunicação no âmbito tributário.

“Esse é um tema bastante importante para o setor de comunicação e propaganda. Viemos dar nossa contribuição, com propostas, com base nas melhores práticas de mercado”, explicou Felipe Ladeira.

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz), está concluindo o processo de elaboração da proposta para o novo do Código Tributário do Município (CTM), que se tornou indispensável, diante da necessidade de modernização da legislação.

Também participaram da reunião representantes das agências de propaganda Mallmann e Ideia Propaganda, além do vereador Ricardo Diniz e do advogado, Fabiano Lopes.

O vereador Ricardo Diniz destacou a necessidade de criar leis que desburocratizem o cotidiano. “Como vereador tenho a sensibilidade em criar leis que venham desburocratizar e regulamentar as classes”.

23 de outubro de 2017 - No Comments!

Dos postais para uma exposição na rua

Usando placas de outdoor, a Uber presenteia mais uma vez São Luís. O aplicativo está promovendo com uma verdadeira exposição fotográfica, com imagens de tirar o fôlego, pelas ruas da cidade.

Em setembro, a convite da Uber, o fotógrafo Meireles Junior visitou diversos pontos da capital maranhense a bordo de um Uber para clicar as belezas da cidade a partir do carro. As imagens do ensaio viraram diferentes cartões postais, que foram distribuídos pelos parceiros da Uber em São Luís, na semana de aniversário da cidade. A ação foi tão bem recebida, que as imagens dos postais e outras inéditas, agora, podem ser vistas nas principais avenidas da capital.

“São Luís é uma cidade linda e a Uber queria mostrar um novo olhar sobre a cidade. A partir do carro, conseguimos diferentes ângulos de paisagens já conhecidas por quem circula na cidade.”, explicou Felipe Ladeira, diretor executivo da Quadrante.

A exposição pode ser vista até o dia 29 de outubro.

19 de setembro de 2017 - No Comments!

O desafio do Salão do Empreendedor

O Sebrae é daqueles clientes que sempre nos desafia e não foi diferente com o Salão do Empreendedor, que aconteceu entre os dias 13 e 16 de setembro, durante a realização da Fecoimp, em Imperatriz.

O projeto envolveu as equipes de produto e publicidade da Quadrante, que responderam, respectivamente, pelo projeto de ambientação do Salão e elaboração do material gráfico e eletrônico do evento.

"O desafio desta vez foi desenvolver um projeto de ambiente que se integrasse ao evento principal, a Fecoimp, e ao mesmo tempo, reforçasse os valores da marca Sebrae, promovendo seus produtos e serviços de forma clara e objetiva", explica Marcelo Figueirêdo, diretor de projeto e desenvolvimento de produto da Quadrante.

 

 

15 de setembro de 2017 - No Comments!

João Raposo no Salão do Empreendedor, em Imperatriz.

Designer João Raposo foi um dos palestrantes do Salão do Empreendedor, realizado pelo Sebrae, que acontece até o dia 16 de setembro, durante a Fecoimp, em Imperatriz. Na palestra da última quarta-feira (13), o assunto foi o Design Estratégico para novas oportunidades de negócios. João voltou com duas palestras na quinta (14), sobre a Embalagem como diferencial competitivo e outra sobre Design Thinking.

 

14 de setembro de 2017 - No Comments!

Uber homenageia São Luís

Estamos com um sorriso de orelha a orelha com o resultado da ação, que criamos para a Uber, nosso novo cliente, em homenagem ao aniversário de São Luís.

A Uber surpreendeu os usuários do aplicativo, na semana de aniversário de São Luís, com a distribuição do livro "400 Anos Luz", do fotógrafo maranhense Meireles Junior, que traz belas imagens da cidade. O autor foi convidado para entregar, alguns deles, pessoalmente. Veja a reação dos usuários com a surpresa.

Também a convite da Uber, Meireles Junior visitou diversos pontos da capital maranhense a bordo de um Uber para clicar as belezas da cidade a partir do carro. As imagens do ensaio viraram diferentes cartões-postais, que foram distribuídos pelos parceiros da Uber em São Luís, na última sexta-feira, 8 de setembro.

Um brinde aos parceiros nesse projeto: Meireles Junior e Carranca Filmes .

A ação também reverberou em site de notícias locais. Confira:

Imirante

O Imparcial

6 de setembro de 2017 - No Comments!

Farofa Cultural Gourmet – Celso Borges

A segunda edição da Farofa Cultural Gourmet, que marca as comemorações de 25 anos da Quadrante, teve a presença poética de Celso Borges, um ludovicense, que ama a cidade onde nasceu e vive e extravasa essa paixão em suas obras.

Às vésperas de completar 405 anos, São Luís foi pauta do papo de Celso com a equipe: as memórias afetivas do Centro, a vida distante da cidade, o reencontro, as novas significações e como tudo isso faz parte dos versos de Celso.

Confere aí o bate-pronto que fizemos com o Celso, que resume o que rolou nessa conversa.

Quadrante: O que é ser poeta em uma terra com tantos nomes da literatura?

Celso Borges: Eu faço o exercício de poesia há 40 anos, desde os 17 anos que eu escrevo. A importância que eu dou a isso é para a minha vida. Poder testemunhar algumas coisas que estão acontecendo na cidade, testemunhar o diálogo que eu tenho com algumas pessoas e poder testemunhar, sobretudo, o mundo contemporâneo, o mundo que eu vivo. Eu quero que a minha poesia seja o retrato desse mundo contemporâneo, tentando fazer com que ele seja sempre um mundo melhor, um mundo mais verdadeiro.

Quadrante: Como você vê São Luís dentro da tua obra?

Celso Borges: O que é uma cidade? O que é a cidade onde você nasce? É o seu útero, é o seu ventre, é o seu berço. Eu nasci aqui, me criei aqui, as minhas relações todas se deram aqui, com as pessoas daqui, com os lugares, os espaços físicos daqui, então você se envolve emocionalmente com isso. É uma relação que eu não consigo me separar. A cidade é como se fosse meu corpo. Por isso eu gosto dela, eu cuido dela.

Quadrante: Apesar do seu amor por São Luís, vemos muita crítica em suas obras. Por quê?

Celso Borges: Na verdade, eu não gosto é dos homens públicos, que tomam conta da cidade. Eu nasci aqui, vivo aqui e venho vivenciando isso. Eles cuidam mal da cidade. A minha briga, esse desamor, se dá mais contra os homens públicos. Mas essa também é uma cobrança às pessoas que vivem em São Luís. Como falei na conversa, a gente não pode cobrar somente dos homens públicos, nós também temos que cuidar da cidade. Nosso exercício de cidadania tem que ser cada vez melhor. Então, nesse sentido, a gente quer sempre uma cidade melhor e a gente se posiciona contra quem atrapalha isso, não ajuda.

 

Quadrante: Você trabalha com as palavras em “n” formas. Nós, ludovicenses, temos uma maneira de falar muito peculiar. Isso está explícito na tua obra?

Celso Borges: Eu tento colocar um pouco da coloquialidade, algumas gírias. Mas varia muito. Em uma letra de música, por exemplo, isso, talvez, seja mais fácil de se explorar. Mas eu adoro essas palavras que só a gente tem: “Sudengue”, “bogue”, “éguas”. Eu adoro trabalhar com isso. Não é que sempre eu coloco em meus poemas, mas, eventualmente, aparece eu dando um bogue na cara de um otário. (risos)

Quadrante: Como você vê o cenário da poesia atual?

Celso Borges: Ao contrário do que muita gente diz, aquela velha história do passado, temos vozes muito boas na poesia contemporânea. Posso citar várias como Josualdo Lima Rego, Reubem da Rocha, Fernando Abreu, Luís Inácio, Diego Dourado. Todos são excelentes poetas, que estão em atividade. Então, não vejo com saudosismo e descarto essa história de “os poetas já não são os mesmos”. Os poetas estão vivos e com boa poesia.

© 2018 Quadrante Brasil
Av. Paulista, Q-P, N-12, LT. Jardim Paulista, Olho D’água.
CEP 65.065-300, São Luís - MA - Brasil
+55 (98) 4009-7810
atendimento@quadrantebrasil.com.br